Acessar o conteúdo principal
esporte/para

Com 16 medalhas de ouro, Brasil tem resultado recorde em mundial de paratletismo

Alan Fonteles, principal nome da delegação brasileira.
Alan Fonteles, principal nome da delegação brasileira. Mácio Rodrigues/Mpix/cpb.org.br
Texto por: RFI
1 min

O Brasil obteve um resultado recorde no Campeonato Mundial de Paratletismo, em Lyon, na França, encerrado neste domingo. Os atletas brasileiros chegaram a um total de 40 medalhas, sendo 16 de ouro, 10 de prata e 14 de bronze, ficando em terceiro lugar na competição. Os números deixaram a equipe brasileira otimista para os Jogos Paraolímpicos de 2016, no Rio de Janeiro.

Publicidade

O primeiro lugar geral ficou com a Rússia, que conquistou 26 medalhas de ouro (total de 53 medalhas). Os Estados Unidos ficaram com 17 ouros (52, no total).

Nos últimos jogos, em Christchurch, Nova Zelândia, em 2011, o Brasil também ocupou o terceiro lugar, mas com 12 ouros, dez pratas e oito bronzes. Naquele ano, o país ficou atrás de China e Rússia.

Atletas veteranos como Alan Fonteles, Terezinha Guilhermina e Odair Santos venceram três provas cada um. Lucas Prado obteve dois ouros. Mas estreantes em Mundiais, como Lorena Sopladore e Verônica Hipólito também conseguiram ouro.

Fonteles se destacou como o principal nome da delegação, vencendo todas as provas que disputou, batendo recordes e superando as marcas do sul-africano Oscar Pistorius. Em 2011, o brasileiro havia ganhado apenas um bronze no mundial.

Dos 35 atletas brasileiros, 24 conquistaram medalhas, 68% do total. Três recordes mundiais e um nacional foram batidos durante o campeonato.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.