Acessar o conteúdo principal
Futebol/Liga dos Campeões

Eliminação do Barcelona é destaque na imprensa esportiva europeia

Lionel Messi, do Barcelona, em lance da partica contra o Atlético de Madri.
Lionel Messi, do Barcelona, em lance da partica contra o Atlético de Madri. REUTERS/Juan Medina
2 min

O Atlético de Madri conseguiu um feito histórico nesta quarta-feira (9) ao bater o Barcelona por 1 a 0 e se classificar, pela primeira vez em 40 anos, à etapa semifinal da Liga dos Campeões da Europa. O time, que viveu durante anos à sombra do arquirrival Real Madri, é celebrado como um modelo de equipe comprometida com o jogo coletivo.

Publicidade

"Adeus", foi o título escolhido pelo diário Mundo Esportivo que estampou uma foto de Neymar abatido em campo para ilustrar a decepção com o resultado que tirou o Barcelona da competição. "Grandioso", foi a manchete do jornal Marca para celebrar a classificação histórica do Atlético, que vai disputar a semifinal da competição de clubes mais prestigiosa da Europa.

"Coragem e coração", escreveu o AS, outro diário espanhol especializado em futebol. Para o jornal, Messi desapareceu em campo e o time madrilheno deu uma lição de garra e disposição no jogo disputado no estádio Vicente-Calderón.

A eliminação precoce do Barça foi o destaque do italiano Gazetta dello Sport. " É o fim", deu em título o jornal sob uma foto de Messi com a cabeça baixa caminhando pelo gramado. A última vez que o Barcelona tinha sido eliminado antes das semifinais foi na temporada de 2006/2007.

Boa fase

O francês L'Équipe preferiu destacar a boa fase do time treinado pelo argentino Diego Simeone. "Se todos os jogadores do mundo quiserem saber o que significa uma equipe, é só olhar para o Atlético de Madri", sugere o jornal em sua reportagem sobre a lição coletiva dada pelo time madrilenho. "Em seu estilo, a equipe de Simeone está se tornando um modelo inquestionável", escreve o jornal.

Os portais da imprensa esportiva também destacaram as estatísticas publicadas pela Uefa de que o craque argentino Messi correu apenas 6,3 km, ou seja, menos da metade de Koke (12,2 km), autor do gol do Atlético de Madri aos 5' do primeiro tempo.

Bayern segue na defesa do título

Outro time que se classificou na rodada desta quarta-feira, foi o Bayern de Munique, candidato fortíssimo a defender seu título da Liga dos Campeões. Robben e cia golearam o Manchester United por 3 a 1 e confirmaram o favoristimo no duelo.

Nesta sexta-feira (11) um sorteio vai definir os adversários das semifinais entre os quatro classificados: Chelsea, Real Madri, Bayern de Munique e Atlético de Madri.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.