Acessar o conteúdo principal
Chile/Copa América

Uruguaios culpam juiz brasileiro pela eliminação na Copa América

Edinson Cavani leva segundo cartão amarelo do juiz brasileiro Sandro Meira Ricci, no jogo entre Chile e Uruguai na quarta-feira (25).
Edinson Cavani leva segundo cartão amarelo do juiz brasileiro Sandro Meira Ricci, no jogo entre Chile e Uruguai na quarta-feira (25). Reuters
Texto por: RFI
2 min

O Chile derrotou o Uruguai, atual campeão do torneio, na noite de quarta-feira (24), em Santiago, por 1 a 0, e se classificou para a semifinal da Copa América pela primeira vez desde 1999. O duelo pelas quartas de final foi cerrado e tenso, marcado pela expulsão de dois uruguaios. A imprensa do Uruguai culpou o juíz brasileiro pela eliminação da 'Celeste'.

Publicidade

O Uruguai, que terminou o jogo com apenas nove jogadores, não conseguiu reagir à dominação da equipe chilena, que teve 80% da posse de bola. O gol da vitória dos anfitriões da Copa América foi marcado por Mauricio Isla aos 35 minutos do segundo tempo, quando a seleção uruguaia já atuava com um jogador a menos.

O maior craque da 'Celeste', Edinson Cavani, foi escalado e começou a partida, apesar do drama envolvendo seu pai, que foi preso depois que atropelou e matou um motoqueiro no inicio da semana. Mas o atacante do PSG estava nervoso em campo, acabou levando dois cartões amarelos e expulso aos 18' do segundo tempo. A segunda expulsão foi a do lateral Fucile, no final da partida. O técnico uruguaio, Oscar Tabárez, também foi expulso pelo juiz brasileiro Sandro Meira Ricci.

Festa 'Roja'

Os torcedores chilenos esperaram o apito final para comemorar nas ruas de Santiago essa primeira vaga na semifinal da Copa America desde 1999 e o triunfo que coloca a seleção 'Roja' a duas vitórias do título inédico no torneio.

Chile irá enfrentar o vencedor do duelo entre Bolívia e Peru, que jogam nesta quinta-feira (25) em Temuco, no sul do país.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.