Abatimento de Neymar ilustra decepção após derrota do PSG na final da Liga dos Campeões

Neymar chorou após a derrota para o Bayern na final da Liga dos Campeões e não participou da cerimônia de entrega do troféu nesse domingo, 23 de agosto de 2020, em Lisboa.
Neymar chorou após a derrota para o Bayern na final da Liga dos Campeões e não participou da cerimônia de entrega do troféu nesse domingo, 23 de agosto de 2020, em Lisboa. POOL/AFP

A imensa decepção na França com a derrota do PSG na Liga dos Campeões está estampada na primeira página dos jornais franceses desta segunda-feira (24). Uma imagem resume o sentimento de frustração dos torcedores: o atacante brasileiro Neymar cuja foto ilustra a capa de quase todos os jornais.

Publicidade

“Aposta perdida pelo PSG”, declara em sua manchete Libération. Apesar de um primeiro tempo intenso, o clube parisiense perdeu para o Bayern de Munique na noite de domingo (23) por 1 a 0. Não foi dessa vez que o time ganhou a principal competição do futebol europeu.

“Neymar afundou, isolado pelo jogo alemão, irritado desde o início da partida, ele não conseguiu tirar da cartola seu passe de mágica habitual. Viver por meio de um jogador excepcional, é também cair quando ele cai”, analisa o jornal progressista.

Para o Le Parisien, “Neymar apagou”. Essa final da Champions não foi a vez do fenomenal atacante brasileiro, que voltou a ser humano na partida de ontem. Ele terminou o jogo aos prantos. “Sua história com o PSG ainda tem que ser escrita.”

“Inconsolável” é a manchete de capa do L'Equipe. O jornal esportivo diz que o PSG, e principalmente os atacantes Neymar e Mbappé, perderam muitas oportunidades de marcar ontem em Lisboa, e têm motivos de sobra para lamentar a derrota.

Sexto título para o Bayern

O Bayern conquista sua sexta vitória na competição. Por ironia, o gol da vitória do clube alemão foi marcado por um jogador formado pelas categorias de base do PSG, Kingsley Coman, “o que aumenta ainda mais o sofrimento”.

“O Bayern destruiu o sonho do PSG”, escreve Le Figaro lembrando que o clube alemão era o favorito da partida devido a sua experiência na competição. O goleiro Neuer, um gigante segundo o diário conservador, foi considerado pelos jornais franceses o melhor homem em campo.

Diferentemente dos parisienses, os alemães não tinham um ponto fraco e no meio de campo tinham um chefe, o brasileiro nacionalizado espanhol, Thiago Alcântara --filho do ex-jogador Mazinho. Um estilo de jogador que falta ao PSG.

Do lado parisiense, o capitão Thiago Silva foi um dos melhores em campo e terminou o jogo desolado. A final em Lisboa foi a última partida do brasileiro pelo clube que defendeu ao longo dos últimos oito anos.

“Bom dia, tristeza”

A festa prevista pelos torcedores parisienses virou pesadelo e gerou tensão nas ruas de Paris, principalmente nos Champs-Elysées e nas imediações do estádio Parc des Princes. Os 3.000 policiais e 300 bombeiros mobilizados tiveram muito trabalho. Lixeiras e alguns carros foram incendiados e lojas depredadas.

Ao menos 148 pessoas foram detidas e 404 multadas por não usarem máscaras de proteção, obrigatórias devido a pandemia de Covid-19.

L'Equipe e Le Parisien escolheram o mesmo título para o artigo analisando o jogo e suas repercussões: "Bom dia, tristeza". Os jornais pensam no futuro do PSG e na próximo temporada, afirmando em um tom mais otimista que a equipe de Paris está mais próxima de seu maior sonho, mas o “Paris Saint-Germain vai ter que crescer ainda mais”.

L'Equipe informa que o clube e seu diretor esportivo, o brasileiro Leonardo, não devem modificar muito o grupo e a estratégia de novas contratações para a nova temporada. O objetivo prioritário, segundo o jornal esportivo, é encontrar um bom lateral direito.

Os parisienses deverão recomeçar o combate já a partir de outubro para esperar uma primeira consagração, indica Le Parisien. O sorteio da primeira fase da temporada 2020/2021 da Liga dos campeões acontece em primeiro de outubro. O presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi promete nas páginas do diário que um dia o clube irá conquistar o troféu da Champions.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.