Itália

Berlusconi coloca mandato à disposição do parlamento

O primeiro-ministro Silvio Berlusconi discursa no parlamento italiano.
O primeiro-ministro Silvio Berlusconi discursa no parlamento italiano. Reuters

Depois de pronunciar um discurso sobre as diretrizes de seu governo no parlamento italiano, o primeiro-ministro Silvio Berlusconi pediu o fim das divergências na base parlamentar de direita que dá apoio ao seu governo e decidiu submeter seu mandato a uma moção de censura. 

Publicidade

O discurso de Berlusconi foi interrompido várias vezes por vaias dos deputados da oposição. O premiê italiano destacou que a Itália não tinha nada a ganhar com uma fase de instalibilidade política, num momento em que a crise econômica ainda não foi superada.

A coalizão de direita no poder sofreu um racha nas últimas semanas, com a saída de Gianfranco Fini, até então um aliado de Berlusconi, do Partido da Liberdade. Eles tinham fundado a legenda juntos, em novembro de 2008, para dar sustentação à coalizão conservadora. Mas com o tempo Fini foi assumindo uma independência que acabou irritando Berlusconi, um desentendimento que provocou a dissolução do partido. No racha, Fini levou com ele 40 deputados e senadores comprometendo a estabilidade da maioria parlamentar. Daí a decisão do premiê de submeter seu mandato a uma moção de censura.

O grupo de parlamentares dissidentes diz que vai votar a favor da permanência de Berlusconi na chefia do governo. Italo Bocchino, líder da bancada dissidente, declarou que as cinco propostas de política geral apresentadas hoje por Berlusconi estão em sintonia com o programa eleitoral da coalizão em 2008, o que, segundo o líder, é um sinal de boa vontade política do premiê. No discurso, Berlusconi se comprometeu a manter uma política de incentivo ao federalismo, à imigração com segurança, reafirmou a reforma da justiça, prometeu redução de impostos e um plano de ajuda às regiões do sul da Itália.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.