Europa/BCE

Italiano Mario Draghi será o novo presidente do Banco Central Europeu

Mário Draghi, governador do Banco de Itália, é o novo presidente do BCE.
Mário Draghi, governador do Banco de Itália, é o novo presidente do BCE. Reuters

O italiano Mario Draghi foi oficialmente nomeado nesta sexta-feira o novo presidente do Banco Central Europeu. A nomeação, confirmada nesta sexta-feira pelos chefes de Estado e de Governo reunidos em Bruxelas, foi fruto de um acordo com a França.  

Publicidade

Mario Draghi, 63 anos e atual presidente do Banco Central italiano, vai substituir o francês Jean-Claude Trichet cujo mandato termina no dia 1° de novembro. Ao anunciar a informação o presidente da União Europeia, Herman Van Rompuy, disse que os líderes europeus tiveram que dar garantias à França para conseguir a nomeação do novo presidente da BCE.

A França, que perde a presidência do Banco Central Europeu, exigia continuar participando da direção-geral da instituição. Com a chegada de Mario Draghi, a Itália que já era representada no executivo do BCE por Lorenzo Bini Samaghi, nomeado em 2005, passava a ter dois representantes na direção da instituição monetária que tem seis cargos. Pelo acordo, Lorenzo Bini Samaghi, cujo mandato terminaria em 2013, irá renunciar no final deste ano permitindo a indicação de um francês para o cargo.

Samaghi, que resistia em abandonar a direção em nome da independência do BCE, dificultanto a nomeação do compatriota à presidência da instituição sediada em Frankfurt. Ele foi convencido pelo governo italiano. O premiê Silvio Berlusconi adiantou nesta sexta-feira que Samaghi poderia ser indicado, na semana que vem, para comandar o Banco Central italiano no lugar de Mario Draghi

Essas negociações acabaram atrasando a nomeação do novo presidente do BCE, prevista inicialmente para quinta-feira à noite, e levantando dúvidas sobre a independência do Banco Central Europeu em meio à crise da zona euro.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.