Acessar o conteúdo principal
Espanha/crise

Banco da Espanha prevê contração do PIB de 1,5% em 2012

O premiê espanhol, Mariano Rajoy.
O premiê espanhol, Mariano Rajoy. REUTERS/Juan Medina
Texto por: RFI
3 min

A Espanha vai entrar novamente em recessão, em 2012, afetada pela queda do consumo e um índice recorde de desemprego, de acordo com as previsões publicadas nesta segunda-feira pelo Banco da Espanha.O PIB do país, segundo o relatório, deverá registrar uma contração de 1,5% em 2012.

Publicidade

O Banco da Espanha revisou para baixo as previsões de crescimento do país em 2012 e 2013, que seriam, anteriormente de 2,3 e 2,4%. A expectativa é de, que no próximo ano, a Espanha volte a crescer, mas a taxa não deve ultrapassar 0,2% segundo a instituição. O país havia saído da recessão no início de 2010, mas acabou sendo afetado pela crise na zona do euro, o que levou o Banco da Espanha a apostar em em um crescimento negativo do PIB de -0,3% a partir do quarto trimestre de 2011.

A instituição também revisou para baixo a taxa de crescimento para o ano de 2011, que passa a ser de 0,7%. As previsões iniciais do governo eram de 0,8%. De acordo com um comunicado do Banco, a crise da dívida soberana, que se alastrou na zona do euro, e a instabilidade do mercado financeiro, contribuíram para a desaceleração do crescimento.

A contração do PIB também se explica pela queda do poder aquisitivo da população, diretamente afetada pelas medidas de redução de gastos. O governo anunciou um plano de austeridade em dezembro que inclui cortes de 8,9 bilhões de euros. O objetivo é reduzir o déficit público, de 8%, para no máximo 6% do PIB, como estipula a União Europeia.

O baixo crescimento econômico espanhol também é resultado do aumento do desemprego, que chegou a 21,52% da população ativa em 2011 e podera atingir, 23,4%. O primeiro-ministro Mariano Rajoy deverá apresentar medidas de estímulo ao emprego até fevereiro. Os números oficiais sobre o crescimento na Espanha devem ser divulgados no dia 16, depois da reunião do Conselho Europeu, no dia 30, em Bruxelas.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.