Acessar o conteúdo principal
Reino Unido/União Europeia

Maioria dos britânicos votaria por sair da União Europeia

Foto mostra um pombo diante da bandeira da União Europeia, em Bruxelas.
Foto mostra um pombo diante da bandeira da União Europeia, em Bruxelas. REUTERS/Francois Lenoir
2 min

Se um referendo fosse proposto aos britânicos a respeito de uma eventual saída do bloco europeu, a resposta seria “sim”. Segundo uma pesquisa divulgada neste domingo, 56% dos britânicos são a favor de sair da União Europeia, confirmando novamente a predominância do euroceticismo no Reino Unido.

Publicidade

A alguns dias de uma cúpula sobre o orçamento europeu, a pesquisa, feita pelo instituto Optimum, foi publicada pelo jornal The Observer. Entre os quase dois mil adultos entrevistados, 34% declararam categoricamente que votariam pela saída do bloco. Outros 22% optaram por “provavelmente”, o que resulta num total de 56% em direção a um desligamento da UE.

Em contrapartida, 30% disseram que são a favor de que o Reino Unido continue no bloco: 11% são categóricos e 19% disseram que “provavelmente” votariam pela manutenção. Já 14% dos entrevistados não souberam responder.

Levando-se em conta os três principais partidos políticos do Reino Unido, os eleitores conservadores são os mais inclinados a votar pela saída (68%). Os partidários de um “Brixit” (“British exit”, ou seja, “saída britânica”) entre os trabalhistas também são maioria, mas menos predominante (44% pela saída, 39% pela permanência). Os lib-dems são os mais eurocentristas, com 47% a favor de continuar na EU e 39% contra.

O primeiro-ministro britânico, David Cameron, sob pressão dos deputados britânicos, que pedem redução do orçamento, ameaçou o veto caso suas reivindicações não sejam satisfeitas em Bruxelas. Em entrevista a uma TV neste domingo, o chanceler William Hague afirmou que o objetivo do governo britânico é “obter o orçamento europeu mais baixo possível”.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.