Igreja Católica

Arcebispo do Rio de Janeiro se encontra com papa Francisco no Vaticano

A primeira viagem do papa Francisco será ao Brasil, a fim de participar da Jornada Mundial da Juventude em julho.
A primeira viagem do papa Francisco será ao Brasil, a fim de participar da Jornada Mundial da Juventude em julho. REUTERS/Paul Hanna

A primeira viagem do pontificado de Francisco será ao Rio de Janeiro para a Jornada Mundial da Juventude, que deverá reunir milhões de jovens de mais de 140 países entre 23 e 28 de julho. O arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta,  se encontra nesta sexta-feira com o papa para discutir sobre o evento.

Publicidade

Rafael Belincanta, correspondente da RFI em Roma

O arcebispo do Rio de Janeiro chegou a Roma nesta quinta-feira, 23 de maio de 2013. Ele teve um encontro com o responsável pelas viagens papais, Alberto Gasbarri, concedeu entrevistas na Rádio Vaticano e afirmou que, faltando dois meses para a Jornada Mundial da Juventude (JMJ), os preparativos estão dentro do cronograma.

Dom Orani João Tempesta vai ser o anfitrião do papa no Rio de Janeiro. E não somente. Será ele, antes do papa, a abrir a Jornada com os milhões de jovens que são esperados no Rio. Cerca de 250 mil pessoas já se inscreveram como peregrinos oficiais. Outros 60 mil serão voluntários.

Francisco vai receber Dom Orani às 11h30 da manhã desta sexta-feira, no horário local. Este deverá ser o último encontro de Dom Orani com o Papa no Vaticano. Com a agenda do pontífice no Brasil já definida e publicada há duas semanas, a visita de hoje tem um caráter mais expositivo.

Dom Orani afirmou que vai entregar ao papa uma camiseta da Jornada com o nome de Francisco e um kit do peregrino. Do Rio de Janeiro também chega uma réplica em pequeno porte da imagem do Cristo Redentor. O arcebispo ainda disse que quer saber das expectativas de Francisco para o encontro com os jovens e como o papa vê a realização de uma Jornada Mundial da Juventude na América Latina depois daquela de Buenos Aires, em 1987.

Da parte do Vaticano, a preparação da viagem está concluída. Cabe agora ao Brasil providenciar uma série de exigências feitas pela segurança do Vaticano, como o empréstimo de helicópteros durante a permanência do papa no Brasil e aviões cargueiros da Força Aérea Brasileira que virão a Roma para buscar o papamóvel.

Além do Rio de Janeiro, o papa vai visitar o Santuário de Aparecida antes do início da Jornada Mundial da Juventude. Na cidade do Rio de Janeiro, entre outros compromissos, Francisco participará da encenação da Via Sacra na orla de Copacabana, visitará a favela de Manguinhos e celebrará a vigília e a missa de encerramento da JMJ em Guaratiba, na zona oeste do Rio de Janeiro.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.