Rússia

Pai de Snowden tem encontro 'emocionado' com o filho, diz agência russa

Lon Snowden, o pai de Edward Snowden.
Lon Snowden, o pai de Edward Snowden. Reuters / Cameron

O pai do ex-analista de inteligência Edward Snowden "teve um encontro emocionado com seu filho em um local mantido em sigilo" por questões de segurança, informou hoje a agência russa Interfax. O americano Lon Snowden desembarcou em Moscou nesta quinta-feira para visitar o filho pela primeira vez, desde que ele recebeu asilo temporário de um ano, no início de agosto.

Publicidade

O advogado russo de Edward Snowden, Anatoli Kucherena, não foi localizado para confirmar a informação da Interfax, e ele é a única pessoa autorizada a falar em seu nome.

O ex-analista da agência de segurança americana NSA é procurado por espionagem pelo governo dos Estados Unidos, por ter revelado ao mundo os sistemas de monitoramento das comunicações de líderes e cidadãos de vários países, incluindo a presidente brasileira Dilma Rousseff.

Nesta sexta-feira, o jornal New York Times afirma que um ex-superior hierárquico de Snowden escreveu um informe crítico contra o subordinado, em 2009, advertindo que Snowden tinha tentado acessar ilegalmente documentos da CIA em uma área do sistema para a qual ele não tinha senha de acesso.

O relatório do superior de Snowden, escrito pouco antes de ele deixar o cargo que ocupava em Genebra, não teria sido transmitido à NSA, acrescenta o jornal americano, e só veio à tona com as investigações posteriores às reportagens publicadas por Glenn Greenwald no The Guardian, com base em documentos fornecidos por Snowden.

Prêmio de ex-agentes da CIA

Nesta quinta-feira, Snowden recebeu o prêmio distribuído anualmente por uma associação de ex-agentes da CIA que se tornaram lançadores de alerta. Ele foi premiado "pela integridade de seu trabalho de inteligência", segundo Jesselyn Radack, uma ex-perita do Departamento de Justiça americano e integrante da associação. "Edward está em plena forma, se exprimindo muito bem", disse ela, "seguindo perfeitamente o que acontece nos Estados Unidos e no mundo", afirmou a ex-funcionária.

Ontem à noite, o site WikiLeaks, que dá apoio a Snowden, publicou uma foto do analista de 30 anos, sorridente, numa sala que parece de um hotel de luxo, ao lado de cinco pessoas, entre elas a jornalista Sarah Harrison, do WikiLeaks. Especula-se que a imagem tenha sido feita em Moscou, após a entrega do prêmio a Snowden.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.