Acessar o conteúdo principal
Alemanha/Barbie

Nova Barbie "espiã" recebe apelido de Stasi na Alemanha

A Hello Barbie foi rebatizada de Stasi na Alemanha
A Hello Barbie foi rebatizada de Stasi na Alemanha Captura vídeo
Texto por: RFI
2 min

Uma nova versão da famosa boneca Barbie, que deve ser lançada até o fim do ano, já está causando polêmica. Na Alemanha, ela foi apelidada de "Barbie Stasi", em referência ao departamento de espionagem da ex-Alemanha Oriental. Isso porque a famosa loira esbelta é capaz de se comunicar, graças a um sistema de reconhecimento de voz, mas, sobretudo, porque ela grava as falas do seu interlocutor, armazenando seus gostos e preferências.

Publicidade

Batizada de "Hello Barbie" pela empresa fabricante, a norte-americana Mattel, a boneca usa o mesmo sistema de comunicação da Siri, a assistente de voz do I-Phone. A preocupação suscitada na Alemanha gira em torno da gravação permanente das conversas. A Barbie é capaz de reconhecer as vozes e de transmiti-las diretamente a um servidor da Mattel, que analisa o idioma e envia uma resposta adequada.

Mas o mais perigoso, segundo a revista alemã "Stern", é que a nova Barbie "conectada" armazena os interesses do seu interlocutor para utilizá-los em uma futura conversa. O fabricante insiste que o objetivo é apenas dar respostas adequadas, mas as informações poderiam formar uma base de dados com os gostos das crianças - algo de valor inestimável e muito útil para o fabricante para antecipar os desejos dos jovens consumidores.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.