Acessar o conteúdo principal
Alemanha/Acidente

Lufthansa diz que copiloto da Germanwings interrompeu formação durante 3 meses

O presidente da Lufthansa deu uma coletiva de imprensa esta tarde
O presidente da Lufthansa deu uma coletiva de imprensa esta tarde REUTERS/Wolfgang Rattay

O presidente da Lufthansa, Carsten Spohr, proprietária da Germanwings, cujo avião caiu nos Alpes Franceses, deu uma coletiva de imprensa na tarde desta quinta-feira (26) em Berlim. Ele disse que a companhia aérea seleciona e treina os seus pilotos com extremo rigor e que eles passam por um extenso exame psicológico.

Publicidade

"O copiloto Andreas Lubitz, que deliberadamente destruiu o avião, passou por todos esses procedimentos. O que aconteceu foi algo inimaginável para nós, uma tragédia, um fato isolado", afirmou Spohr.

O presidente da empresa revelou ainda que, há seis anos, o copiloto Andreas interrompeu a sua formação de piloto para retomá-la meses depois, mas não soube precisar os motivos. "Isso é algo absolutamente normal. No momento em que a pessoa volta, ela passa por todos os testes novamente", disse, acrescentando que a companhia realiza periodicamente testes psicológicos com os pilotos.

Medida de segurança

Outro dado revelado na coletiva foi que os próprios pilotos são instruídos a comunicar qualquer comportamento estranho dos colegas. Ele disse ainda que os funcionários da companhia que se sintam afetados psicologicamente por algum tipo de problema têm ajuda profissional a sua disposição.

Spohr assegurou que a segurança é uma obsessão da companhia e que tem orgulho dos seus pilotos. Ele explicou também que o sistema que possibilita trancar o cockpit por dentro visa a segurança do voo. O copiloto acionou esse dispositivo, que impede a abertura da porta blindada mesmo com a introdução do código secreto utilizado pela tripulação.

O presidente também disse que a Lufthansa vai assumir todas as responsabilidades legais. "Vamos fornecer ajuda financeira para as famílias das vítimas e apoiá-las em tudo o que for necessário", disse.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.