Acessar o conteúdo principal
Geórgia/Inundações

Tigre que escapou de zoológico mata homem na capital da Geórgia

Animais do zoológico de Tbilisi morreram em decorrência da inundação ou foram mortos pela polícia.
Animais do zoológico de Tbilisi morreram em decorrência da inundação ou foram mortos pela polícia. REUTERS/Irakli Gedenidze
Texto por: RFI
2 min

Um tigre branco que havia fugido do zoológico da capital da Geórgia durante a inundação provocada por fortes chuvas no fim de semana matou nesta quarta-feira (17) um homem na praça central da cidade. As forças especiais da polícia foram mobilizadas e conseguiram abater o animal nos arredores da praça dos Heróis, no centro de Tbilisi, informou o ministério do Interior da Geórgia. Inicialmente, foi divulgado que o homem tinha sido atacado por um leão.

Publicidade

Segundo a imprensa local, o tigre branco tinha se escondido em um armazém, por isso escapou do cerco da polícia e dos veterinários que desde domingo tentam resgatar os animais.

As inundações que atingiram Tbilisi mataram pelo menos 17 pessoas e devastaram bairros centrais da cidade, incluindo o Jardim Zoológico. Com a cheia do rio Vere, centenas de animais, incluindo leões, tigres, ursos lobos e um hipopótamo, escaparam do estabelecimento. Mais da metade dos 600 animais do zoológico se afogaram nas águas barrentas ou foram mortos pela polícia.

Na segunda-feira, a porta-voz do zoológico, Mzia Charachidze, declarou que todos os aninamis haviam sido capturados ou tinham sido mortos pelas forças especiais. Ela anunciou a suspensão das buscas.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.