Espanha/ tragédia

Acidente de ônibus mata 13 estudantes estrangeiras na Espanha

Peritos analisam ônibus que se acidentou ao voltar para a Barcelona, levando estudantes estrangeiros.
Peritos analisam ônibus que se acidentou ao voltar para a Barcelona, levando estudantes estrangeiros. REUTERS/Albert Gea
Texto por: RFI
2 min

Treze jovens morreram e 43 pessoas ficaram feridas em um grave acidente com um ônibus que transportava alunos de várias nacionalidades de volta para Barcelona, depois de uma visita turística. Trinta feridos estão hospitalizados, dos quais oito em estado grave. A maioria dos estudantes fazia parte do programa europeu de intercâmbios Erasmus, segundo um integrante do governo regional da Catalunha.

Publicidade

Todos estavam matriculados nas universidades da região e vinham de 19 países diferentes. O acidente aconteceu perto de Freginals, a 150 quilômetros ao sul de Barcelona, quando o veículo retornava das Fallas, uma festa tradicional celebrada em Valência.

O motorista perdeu o controle da direção e foi parar na pista oposta, onde atingiu um veículo. Os dois ocupantes do carro tiveram ferimentos leves.

O ônibus transportava 57 pessoas, incluindo o motorista, que sobreviveu e está sendo interrogado. Os testes de bafômetro e drogas no sangue deram negativo, segundo o Ministério Público. As causas da tragédia, que ocorreu por volta das 6h no horário local, estão sendo investigadas.

Foi um dos piores acidentes dos últimos anos nas estradadas da Espanha. O governo da Catalunha disse que todas as vítimas eram mulheres, mas as nacionalidades e os nomes não foram divulgados. As autoridades espanholas afirmaram ter entrado em contato com as representações diplomáticas de França, Alemanha, Itália, Bulgária, Holanda, Suíça, Polônia, Irlanda, República Tcheca, Noruega, Suécia, Finlândia, Hungria, Reino Unido, Japão, Palestina, Ucrânia, Peru e Nova Zelândia.

Com informações AFP
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.