Acessar o conteúdo principal

Covid-19: Campeonato francês é encerrado e PSG é campeão da temporada

Neymar e  Kylian Mbappe foram destaques desta temporada do PSG, declarado campeão nesta quinta-feira por decisão da Liga de Futebol Profissional da França.
Neymar e Kylian Mbappe foram destaques desta temporada do PSG, declarado campeão nesta quinta-feira por decisão da Liga de Futebol Profissional da França. AFP/File
Texto por: RFI
4 min

A Liga Francesa de Futebol Profissional (LFP) seguiu nesta quinta-feira (30) as indicações do governo da França e, devido à crise de saúde do novo coronavírus, decretou a suspensão definitiva da temporada 2019-2020 das duas principais divisões do futebol francês. O Conselho de Administração entrou em acordo para uma "classificação final", em que o PSG é o campeão da temporada.

Publicidade

A classificação levou em conta um cálculo entre o número de pontos conquistados em relação às partidas disputadas, explicou Didier Quillot, diretor-geral executivo da Liga Francesa de Futebol profissional.

Nessa classificação, além do 1° lugar ao PSG, o vice-campeão francês da temporada é o Olympique de Marselha e o Rennes terminou em terceiro. Junto com os parisienses, os dois clubes conseguem assim uma vaga para disputar a próxima Liga dos Campeões.

O grande perdedor entre os maiores clubes do país é o Lyon, que, em sétimo lugar, ficou fora das competições europeias do próximo ano, algo que não acontecia há mais de 20 anos.

De acordo com a classificação final divulgada pela Liga Francesa de Futebol Profissional em uma entrevista coletiva por telefone, Toulouse e Amiens são as equipes rebaixadas para a segunda divisão.

Lorient, campeão da segunda divisão e Lens, vice-campeão,  chegam à elite da Ligue 1, o que poderia levar a uma onda de ações perante os tribunais esportivos e administrativos.

Finais das Copas

Com essa decisão, a LFP põe fim às últimas preocupações de alguns e às esperanças de outros, dois dias após as declarações do primeiro-ministro francês, Edouard Philippe, que afirmou que "a temporada 2019-2020 de esportes profissionais não poderia ser retomada" , fechando as portas para uma volta das principais competições esportivas .

"Essa declaração é inequívoca. Tivemos que tomar uma decisão firme e definitiva sobre a temporada atual. Decretamos o final da temporada 2019-2020", confirmou Nathalie Boy de la Tour, presidente do órgão organizador da Ligue 1, antes de Didier Quillot, revelar a classificação final.

"Essas decisões são firmes e sólidas. O Conselho de Administração as atesta", insistiu Boy de la Tour, enquanto alguns jogadores de futebol franceses falavam da necessidade de votação na Assembleia Geral da LFP, prevista para 20 de maio.

A LFP encerrou as temporadas das duas principais divisões do futebol francês, mas deixou aberta a possibilidade de realizar as finais da Copa da Liga e da Copa da França, duas competições que tinham os adversários já definidos.

"Se o governo nos autorizar a disputar com os portões fechados a partir do mês de agosto, vamos pensar sobre a possibilidade de disputar as finais da Copa da França e da Copa da Liga no começo de agosto. Mas precisaremos do sinal verde da UEFA", ponderou Quillot.

Comemoração do PSG

Com a decisão da LFP, o Paris Saint-Germain, que chegou a 68 pontos em 27 jogos disputados, celebra seu 9° título de campeão francês e o terceiro consecutivo (1984, 1996, 2013, 2014, 2015, 2016, 2018, 2019 e 2020).

O clube comemorou a conquista por meio das redes sociais.

Em nota, o clube informou ter dedicado a conquista "a todos os cuidadores e aos milhares de profissionais que trabalham todos os dias na linha de frente para permitir que o país continue funcionando".

Na nota, o presidente do PSG, Nasser Al-Khelaifi disse entender e respeitar as decisões tomadas pelo governo francês para interromper o campeonato. "A saúde, como o governo sempre disse, deve ser nossa prioridade", destacou.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.