Turismo

Escolha dos melhores hoteis da França causa polêmica

O Ritz, na praça Vendome, ficou de fora da seleção.
O Ritz, na praça Vendome, ficou de fora da seleção. (Photo : AFP)
Texto por: Ana Carolina Dani
2 min

A França tem, a partir desta quinta-feira, 8 hotéis classificados na seleta categoria "Palace". A distinção foi criada em novembro do ano passado para tornar oficial uma apelação até então usada informalmente. Mas a decisão do júri de deixar de fora hoteis como o Ritz levantou críticas, mesmo entre os concorrentes.

Publicidade

Apenas quatro hotéis foram retidos na capital francesa: O Bristol, Plaza Athennée, Park Hyatt Vendôme e o Meurice. Outros dois grandes hoteis da capital francesa, o George V e o mítico Ritz, foram deixados de fora, o que causou protestos, mesmo da parte dos concorrentes.

O presidente do grupo Dorchester, François Delahaye, proprietários do Plaza Athennée e do Meurice, falou em vitória amarga. Ele considerou que o júri acabou descredibilizado ao deixar de fora os dois colegas parisienses, o Ritz e o George V.

A categoria Palace distingue os hoteis considerados de excepção dos outros hoteis de categoria cinco e quatro estrelas. Seria como o suprassumo dos hoteis na França.

Para a distinção, são usados critérios mais objetivos como tamanho mínimo dos quartos, preços das diárias, a partir de 600 euros para a capital francesa, mas também apreciações mais subjetivas, como a qualidade dos restaurantes e do atendimento.

Segundo explicou o presidente do júri, Dominique Fernandez, um palace deve ser um lugar mítico, onde o cliente se sente como em um conto de Mil e Uma Noites. 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.