Fato em Foco

Direita francesa propõe fim de dupla nacionalidade

Áudio 04:59
O Arco do Triunfo e a bandeira francesa.
O Arco do Triunfo e a bandeira francesa. Wikimedia Commons

Os franceses com dupla nacionalidade se quiserem continuar franceses vão ter de abrir mão de outras nacionalidades. É o que propõe um relatório elaborado por um subprefeito de Paris, filiado à UMP (União por um Movimento Popular), governo do presidente Nicolas Sarkozy. O relatório pede a exigência de que uma pessoa com dupla nacionalidade, incluindo a francesa, renuncie a uma delas. Como no caso dos filhos nascidos na França de pais estrangeiros. No dia 29 de junho, o relatório será encaminhado para a comissão de leis da Assembléia Nacional, que vai decidir se a proposta pode se tornar um projeto de lei. Para Raphael Gutmann, da Terra Cógnita, empresa de consultoria sobre países emergentes e professor da Escola Superior de Gestão de Paris, essa tendência pode ter graves consequências sociais para a França, um país "de integração", onde muitas pessoas são descendentes de estrangeiros, inclusive o presidente da República.