Acessar o conteúdo principal
França/presidenciais

Franceses apostam na vitória do partido socialista em 2012

Para 60% dos franceses, o candidato do partido socialista, François Hollande, não terá problemas para vencer o presidente Nicolas Sarkozy
Para 60% dos franceses, o candidato do partido socialista, François Hollande, não terá problemas para vencer o presidente Nicolas Sarkozy @Reuters
Texto por: RFI
2 min

De cada dez franceses, seis estão certos da vitória do candidato do partido socialista François Hollande nas eleições presidenciais, em 2012. Ele foi escolhido para representar a legenda nas eleições nas prévias do partido, abertas à população, neste domingo.

Publicidade

A pesquisa, realizada pelo Instituto Harris Interactive, mostra que 60% dos franceses apostam que Hollande vencerá o presidente Nicolas Sarkozy no segundo turno das eleições presidenciais, em 2012. De acordo com a mesma sondagem, 14% acham que o candidato ‘certamente’ ganhará as eleições, e 46% dizem que é ‘provável’ que ele vença em 2012. Apenas 8% dos 1260 entrevistados não acreditam na vitória do PS nas presidenciais.

Os participantes da pesquisa com idades entre 50 e 64 anos, que correspondem a 67% dos entrevistados, são aqueles que mais apostam na vitória de Hollande. Os mais jovens, entre 18 e 24 anos, por sua vez, têm dúvidas a respeito do bom desempenho do candidato do PS.

Em relação ao avanço da extrema-direita, apenas 37% dos entrevistados acreditam na participação de Marine Le Pen, candidata do partido Frente Nacional no segundo turno. Cerca de 47% dizem com certeza que ela não obterá o número necessário de votos, e 15% apostam que a candidata provavelmente não tem nenhuma chance. Outras pesquisas realizadas entre março e abril, entretanto, revelaram que Marine Le Pen teria 36% das intenções de votos nas eleições presidenciais.

O candidato do PS, François Hollande, foi eleito neste domingo no segundo turnos das eleições primárias do partido, abertas à população, com 56,6% dos votos. A secretária-geral do partido, Martine Aubry, obteve 43,4%. Cerca de dois milhões e 860 mil eleitores foram às urnas. A taxa de participação superou as expectativas do PS, que esperava em torno de um milhão de eleitores.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.