Acessar o conteúdo principal
Desemprego/França

Desemprego aumenta 0,8% em julho e bate novo recorde na França

Homem entra em agência nacional de empregos francesa em busca de trabalho, em imagem de 24 de outubro de 2013.
Homem entra em agência nacional de empregos francesa em busca de trabalho, em imagem de 24 de outubro de 2013. REUTERS/Philippe Wojazer
2 min

O número de desempregados na França aumentou pelo nono mês consecutivo, com mais 26.100 inscritos no Pôle emploi, organismo público responsável pela gestão do mercado de trabalho no país. O índice de pessoas sem nenhuma atividade aumentou 0,8% em relação ao mês anterior, totalizando um novo recorde de 3.424.000 desempregados. O anúncio foi feito pelo ministério do Trabalho.

Publicidade

Em um ano, o índice de pessoas sem nenhuma atividade, chamada de categoria A, aumentou em 4,3% na França metropolitana. Já os índices das categorias B e C, de pessoas com atividade reduzida, aumentaram 5% no mesmo período.

O primeiro-ministro francês, Manuel Valls, já tinha prevenido desde terça-feira que as estatísticas apontavam para o vermelho, devido à falta de crescimento para relançar a criação de vagas.

Através de um comunicado, o ministro do Trabalho, François Rebsamen, declarou que a nova alta exige a adoção rápida do pacto de responsabilidade e de solidariedade do governo, principalmente para a criação de trabalho para os jovens.

Segundo Rebsamen, o plano será o personagem principal na luta contra o desemprego e para isso pressiona as empresas para se mobilizarem pelo êxito da proposta. No próximo dia 10, o ministro do Trabalho se reúne com representantes das 50 principais áreas profissionais no país.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.