Acessar o conteúdo principal
França/Tabagismo

França aprova adoção de maço de cigarro "neutro" para combater tabagismo

Doenças relacionadas ao consumo do cigarro matam 73 mil pessoas por ano na França.
Doenças relacionadas ao consumo do cigarro matam 73 mil pessoas por ano na França. REUTERS/Maxim Shemetov
Texto por: RFI
2 min

Os deputados franceses votaram diversas medidas para combater o tabagismo nesta sexta-feira (3), entre elas, a adoção do maço de cigarro "neutro". O objetivo é uniformizar as embalagens, tornando-as menos atrativas para os fumantes.

Publicidade

A partir de maio de 2016, os maços de cigarro na França deverão ter todos os mesmo formato, tamanho e cor, sem nenhum logotipo. O nome das marcas aparecerão em letras pequenas na embalagem, mas todas terão a mesma fonte e tamanho.

A medida é contestada pela indústria do tabaco e pelos vendedores de cigarro franceses. Na França, os cigarros são vendidos apenas em tabacarias. Além delas, nenhum outro estabelecimento tem autorização de comercializar cigarros.

73 mil mortos por ano

Para a ministra francesa da Saúde, Marisol Touraine, a aprovação do pacote de medidas é essencial na luta contra o tabagismo. Doenças relacionadas ao consumo do cigarro matam 73 mil pessoas por ano na França - uma média de 200 mortes por dia.

No plano da luta contra o tabagismo também está previsto o fim de publicidades para cigarros eletrônicos, além da proibição de fumar em lugares fechados na presença de menores de 18 anos. As tabacarias só poderão vender o produto a maiores de idade.

Direita pode dificultar aprovação do projeto

Para que as mudanças sejam definitivamente validadas, elas devem ser votadas na próxima semana pelo Senado francês. No entanto, a direita francesa, que tem maioria de senadores, é contra o projeto. O argumento é que ele pode aumentar as vendas no mercado paralelo e prejudicar os donos de tabacarias.

Em todo o mundo, apenas a Austrália adotou o pacote "neutro" de cigarros. Na Europa, além da França, outros países, como a Irlanda, também devem aprovar medidas similares.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.