Acessar o conteúdo principal

Onze pessoas são detidas na França em relação com atentado de Nice

Policiais na cena do atentado de 14 de julho de 2016
Policiais na cena do atentado de 14 de julho de 2016 REUTERS/Eric Gaillard
Texto por: RFI
2 min

Onze pessoas suspeitas de ajudar o autor do atentado que deixou 86 mortos em Nice no dia 14 de julho a conseguir armas foram detidas na França, informaram fontes da investigação.

Publicidade

Dez homens foram detidos na manhã desta segunda-feira (12) em Nice (sudeste) e um em Nantes (oeste) no âmbito da investigação sobre o atentado que também deixou mais de 400 feridos na Riviera francesa. Entre os detidos há albaneses.

Em julho, um casal dessa mesma nacionalidade, Artan Henaj e Enkeledja Zace, foram detidos, acusados de ter participado da aquisição da pistola com a qual o autor do ataque, o tunisiano Lahouaiej Bouhlel, disparou contra policiais antes de ser abatido.

Várias contradições

Essas onze pessoas estariam relacionadas ao casal detido em julho, segundo a mesma fonte. "Possivelmente não estavam cientes do atentado, mas formam parte do meio delitivo, principalmente redes para adquirir armas", acrescentou a fonte.

Anteriormente, outras seis pessoas foram detidas e indiciadas na investigação sobre o atentado. Até o momento, seus interrogatórios revelam várias contradições, mas nenhum elemento demonstra com certeza que estavam cientes da ação terrorista.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.