Miss França responde aos ataques racistas nas redes sociais

Alicia Aylies é a Miss França 2017
Alicia Aylies é a Miss França 2017 TF1

Desde que ganhou o concurso miss França 2017, na noite de sábado (17), Alicia Aylies tem sido vítima de vários ataques racistas nas redes sociais.

Publicidade

A bela mulata de olhos verdes de 18 anos representava a Guiana Francesa, território ultra-marino da França, que faz fronteira com o Norte do Brasil.

Nesta segunda-feira (19), em um programa de rádio, ela respondeu pela primeira vez aos insultos. "Devido à minha agenda lotada, não tive tempo de me conectar às redes sociais. De qualquer maneira, eu não dou a mínima atenção a esse tipo de ataques", disse a estudante de direito.

E continuou: "Não há muitas misses negras ou mestiças, isso permite mostrar que a França é dotada de uma grande diversidade".

A diretora do concurso, Sylvie Tellier, também se expressou: "Estou muito contente com o resultado. É a vitória da beleza da mulher, pouco importa a cor da pele ou a origem".

Vitória para os territórios ultra-marinos

Além da vitória de Alicia, a primeira para a Guiana Francesa, o segundo e o terceiro lugar também ficaram para representantes dos territórios ultra-marinos - Taiti e Guadalupe.

O Taiti foi representado por Vaea Ferrand. "Estou muito contente com a vitória da miss Guiana, somos muito amigas. Podemos dizer que os territórios ultra-marinos brilharam no concurso", disse.

Já Morgane Thérésine foi a candidata de Guadalupe, no Caribe. "Tivemos uma final bem miscigenada, e isso reflete o que é a França."

Os territórios franceses ultramarinos são parte da França e estão espalhados pela América, África, Oceania e Antártica.

Na América, são eles Guiana Francesa, São Pedro e Miquelão, São Martinho e São Bartolomeu, Guadalupe e Martinica.

Na África, Maiote e Reunião. Na Oceania, Nova Caledônia, Wallis e Futuna, Marquesas, Arquipélago da Sociedade e Polinésia Francesa, que inclui o Taiti.

E, na Antártica, Terra Adélia, Kerguelen, Crozet, Amsterdam e São Paulo.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.