Espaço Multimídia

Justiça francesa condena funcionários que criticaram empresa no Facebook

Áudio 13:30
Não é uma boa idéia falar mal dos seus chefes e colegas no Facebook
Não é uma boa idéia falar mal dos seus chefes e colegas no Facebook AFP

No dia 19 de novembro, pela primeira vez na história, a Justiça do Trabalho Francesa deu ganho de causa a uma empresa que demitiu três funcionários por terem criticado a direção no Facebook. Tudo começou em um sábado, em dezembro de 2008. Um dos funcionários posta uma mensagem na rede dizendo fazer parte do "clube dos terríveis", em referência ao RH da empresa Altens.Dois colegas respondem, brincando: "bem-vindo ao clube." O comentário seria uma brincadeira sem importância se alguém não tivesse visto as mensagens, copiado a tela e enviado para a direção, que decide demitir os três por 'incitação ao complô." O caso vai parar na Justiça em maio. O veredito, divulgado em novembro, é favorável à direção, levantando na França mais uma vez a discussão sobre espaço público e privado.O que deve ou não ser dito na rede?Sobre o assunto, conversamos com Marcus Cardoso, da equipe de planejamento criativo e estratégia na web da empresa F/Nazca Saatchi & Saatchi. Ele nos conta a história de uma americana, no início dos anos 2000, que falou mal do chefe na web. Seu nome até virou verbo nos Estados Unidos depois do incidente.Mas a Internet também pode ser uma vitrine. Ouça também o depoimento da jornalista Daniela Arrais, criadora do blog Don't Touch My Moleskine, um dos mais conhecidos do Brasil.