O Mundo Agora

“Quando veremos outras Tunísias?”

Áudio 05:00
Manifestação de solidariedade com o povo tunisiano em Beirute no Líbano. 17 de janeiro de 2011.
Manifestação de solidariedade com o povo tunisiano em Beirute no Líbano. 17 de janeiro de 2011. Reuters

"A « revolução de jasmim » na Tunísia é a primeira revolução democrática do mundo árabe. A surpresa foi total. Ninguém pensava que o regime ditatorial do presidente Ben Ali, no poder há 23 anos, e baseado numa repressão feroz contra qualquer forma de oposição, pudesse se desmoronar tão depressa diante das manifestações populares(...)Claro que Argélia, Líbia ou Egito, não são a Tunísia, um país com uma poderosa classe média educada e com a única constituição laica do mundo árabe.(...)Mas é claro também que vai ser difícil continuar a apoiar os regimes árabes autoritários cada vez mais odiados por populações dispostas a lutar pela liberdade e a democracia."Ouça a crônica de política internacional de Alfredo Valladão.