Fato em Foco

Desemprego volta a bater recorde mundial

Áudio 04:59
O número de desempregados em todo mundo deverá chegar a 203,3 milhões em 2011, segundo projeção da OIT.
O número de desempregados em todo mundo deverá chegar a 203,3 milhões em 2011, segundo projeção da OIT. AFP/BEN STANSALL

O desemprego no ano passado bateu novamente recorde mundial e essa tendência deve persisitir em 2011, principalmente nos países ricos. Essa é uma das principais conclusões do relatório anual da Organização Mundial do Trabalho (OIT) sobre tendências do mercado mundial de emprego, divulgado nesta terça-feira, em Genebra, na Suíça.O documento indica, ainda, que em algumas economias emergentes, como o Brasil, o mercado de trabalho conseguiu se recuperar e voltar a taxas de desemprego registradas antes da crise, graças a políticas sociais como o Bolsa Família.Mas apesar disso, a OIT chama a atenção para a queda na qualidade do trabalho, principalmente nos países em desenvolvimento, com a persistência dos chamados empregos precários. Outra conclusão do documento é a necessidade de combater o desemprego dos jovens que, em todo o mundo, continua com níveis mais altos do que os registrados antes da eclosão da crise mundial, em 2008.