Síria/repressão

Violência marca chegada de tropas sírias a reduto rebelde

Acampamento de refugiados sírios na fronteira com a Turquia.
Acampamento de refugiados sírios na fronteira com a Turquia. REUTERS/Osman Orsal

Violentos confrontos entre forças sírias e grupos armados, segundo a TV estatal, foram registrados neste domingo em Jisr al Shugur, no noroeste do país. Milhares de habitantes têm deixado a região em direção à vizinha Turquia, fugindo da violência da repressão do governo de Bachar al Assad.

Publicidade

O exército entrou em Jisr al Shughur depois de desativar os explosivos e cargas de dinamite colocados pelos grupos armados nas pontes e ruas, segundo a TV estatal. A mídia oficial também afirma que uma fossa comum com cadáveres de soldados foi encontrada na cidade. As autoridades alegam que 120 policiais foram assassinados, na última segunda-feira, na cidade.

Ativistas em direitos humanos relatam pesados tiroteios e fortes explosões após a chegada das tropas, apoiadas por helicópteros e cerca de 200 tanques. Jirs al Shugur, na província de Idlib, é um dos focos rebeldes ao regime autoritário de Bachar al Assad e tem sido alvo de intensos ataques nos últimos dias.

A violência da repressão já provocou o êxodo de cinco mil pessoas. Elas estão sendo alojadas em dois acampamentos montados pela Cruz Vermelha turca, na província de Hatay. Outros dois acampamentos, com capacidade para nove mil pessoas, estão sendo levantados na região.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.