Pesquisa/comportamento sexual

Jovens ocidentais usam cada vez menos métodos contraceptivos

Os jovens europeus e americanos estão usando cada vez menos métodos contraceptivos
Os jovens europeus e americanos estão usando cada vez menos métodos contraceptivos

Os jovens ocidentais, principalmente na França, Estados Unidos e Grã-Bretanha, utilizam cada vez menos métodos contraceptivos durante as relações sexuais. Esta é uma das conclusões do estudo realizado em 29 países e publicado nesta segunda-feira pelo instituto GFK, uma das maiores empresas de pesquisa de mercado do mundo.

Publicidade

A pesquisa mostra que, entre 2009 e 2011, o número de jovens de 15 a 24 anos que mantiveram relações sexuais com um novo parceiro sem utilizar um método contraceptivo aumentou cerca de 111%, passando de 19% par 40%. Nos Estados Unidos, foi observado um aumento de 39%, e na Grã-Bretanha, 19%.

Em média, 42% dos jovens europeus interrogados em 2011 não se protegeram durante as relações sexuais, contra 26% em 2010. Na América Latina, a tendência está se revertendo : 12% deles passaram a utilizar um dos métodos disponíveis no mercado, e o número passou de 48% para 56%. A pesquisa foi realizada entre abril e maio de 2011, e divulgada nesta segunda-feira para comemorar o Dia Mundial da Contracepção. Foram ouvidos mais de 6 mil entrevistados.

Em relação ao uso da camisinha, a situação também é preocupante: o número de jovens que dispensa a camisinha com um novo parceiro ultrapassa os 50% nos Estados Unidos e também cresce na China, na Estônia, no Quênia, na Coréia do Sul, na Noruega e na Tailândia. "O resultado mostra que a maioria dos jovens não conhece sua sexualidade, não ousa sugerir o uso do contraceptivo ou pedir ao parceiro que utilize métodos contraceptivos para protegê-los de uma gravidez não-desejada ou uma doença sexualmente transmissível", diz Jennifer Woodside, do IPPF. Em média, 55% dos jovens ouvidos na Europa tiveram cursos de educação sexual na escola, contra 74% nos Estados Unidos, 76% na Ásia e 78% na América Latina.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.