Acessar o conteúdo principal
Desemprego/EUA

Desemprego fica estável em setembro nos EUA

Candidatos a uma vaga de trabalho vão a salão de empregos em Los Angeles.
Candidatos a uma vaga de trabalho vão a salão de empregos em Los Angeles. REUTERS/Jonathan Alcorn/Files
Texto por: RFI
2 min

A taxa de desemprego nos Estados Unidos permanece em 9,1% pelo terceiro mês consecutivo. A criação de empregos aumentou em setembro, apesar das dificuldades conjunturais, segundo números oficiais publicados na sexta-feira em Washington.

Publicidade

A economia americana criou mais empregos que demitiu, pelo décimo primeiro mês consecutivo. O saldo de contratações se estabeleceu em 103.000 postos em setembro, 18% a mais que em agosto, indicou o relatório mensal sobre o emprego do departamento do Trabalho dos Estados Unidos.

Esse número é superior ao que esperavam os analistas, que estimavam que 60.000 postos seriam criados em setembro. O departamento precisa que o saldo do mês refletiu em parte a volta ao trabalho dos 45.000 empregados do setor de telecomunicações, que estavam em greve em agosto.

A criação de empregos continua, apesar de tudo, insuficiente para baixar a taxa de desemprego oficial. O número de desempregados nos Estados Unidos foi estimado em cerca de 14 milhões pelo governo.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.