Acessar o conteúdo principal
Reportagem

Proposta de fim de vistos permanentes para brasileiros nos EUA não deve ir adiante

Áudio 04:04
Brazilian day ocupa as ruas de Nova York uma vez por ano.
Brazilian day ocupa as ruas de Nova York uma vez por ano. Flickr/This Week in New York: twi-ny.com
Por: Lúcia Müzell
6 min

Um projeto de emenda que será votado em junho pela Câmara dos Deputados dos Estados Unidos quer acabar com os vistos permanentes para brasileiros, mas dificilmente deve ir adiante, conforme especialistas. A proposta, do deputado republicado Tim Ryan, seria uma retaliação ao Brasil por não extraditar uma brasileira acusada de ter matado seu marido americano, em 2007.

Publicidade

A emenda foi aprovada nesta quarta-feira por uma comissão da Câmara americana. O deputado deseja que Claudia Hoerig responda pelo crime nos Estados Unidos, mas ela voltou para o Brasil após a morte do companheiro, que era piloto da Força Aérea Americana.

A não extradição de cidadãos brasileiros está inscrita na Constituição, como lembra Evando Menezes de Carvalho, doutor em Direito Internacional e professor da Fundação Getúlio Vargas. Para ele, a proposta de fim dos vistos permanentes para os brasileiros tem uma motivação política pessoal do deputado americano.

O vice-diretor do Instituto de Relações Internacionais da USP, advogado Pedro Dallari, acha que jamais um caso isolado seria suficiente para os Estados Unidos mudarem as suas regras de imigração em relação ao Brasil. Dallari destaca que a brasileira poderia enfrentar um julgamento no Brasil, através de uma ação movida pelo Ministério Público.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.