Acessar o conteúdo principal
Polêmica/França

Alain Delon diz que homossexualidade é "contra a natureza"

Captura vídeo do programa "C à Vous", no canal France 5, quando o ator francês Alain Delon causou polêmica ao falar contra a homosexualidade.
Captura vídeo do programa "C à Vous", no canal France 5, quando o ator francês Alain Delon causou polêmica ao falar contra a homosexualidade. Reprodução
Texto por: Daniella Franco
3 min

Uma declaração de um dos atores mais célebres do cinema francês, Alain Delon, gerou uma grande polêmica na França e inflamou as discussões nas redes sociais do país. Durante participação a um programa de televisão do canal France 5, na segunda-feira, dia 2 de setembro, ele declarou que a homossexualidade “é contra a natureza”.

Publicidade

Famoso por tornar pública a sua oposição ao casamento homossexual e por tecer declarações controversas sobre o assunto, Alain Delon foi questionado durante o programa televisivo C à Vous sobre uma entrevista que concedeu em julho ao jornal francês Le Figaro, na qual ele reclama da falta de “modelos masculinos” no cinema e na sociedade francesa.

Na ocasião, o artista criticou o fato de que o país vem tratando as uniões homossexuais e heterossexuais da mesma forma – o que, para ele, é inaceitável. “Isso é grave! Eu não sou contra o casamento gay, pouco me importo com isso, mas sou contra a adoção de crianças [por casais homossexuais]. Vão me dizer novamente que eu devo me adaptar. Mas, bem, eu vivo muito mal esta época que banaliza o que é contra a natureza. Apesar de passar por um ‘velho idiota’, isso me choca!”, disse ao Figaro.

Em resposta à jornalista do C à Vous, o ator ratificou as declarações proferidas ao quotidiano francês dizendo que hoje “não há mais diferença, não há mais respeito”. Delon ressaltou, mais uma vez, que não é contra o casamento gay, mas que ele acredita que as uniões homossexuais são “contra a natureza”. “Estamos aqui para amar uma mulher, não para paquerar um homem ou ser paquerado por um homem”, completou.

A filha de Delon, Anouchka, de 22 anos, que também participava do programa, intercedeu, defendendo que seu pai não havia se expressado corretamente. Ao que o artista responde: “Por mim, que eles se casem entre eles, pouco me importa. O que eu não quero é que eles adotem [crianças]”.

As declarações de Delon inflamaram as redes sociais na França. Desconcertada, Anouchka se esquivou. Em seu perfil no Twitter, a jovem publicou na terça-feira: “Os propósitos defendidos por meu pai no C à Vous lhe concernem somente e não têm nenhuma relação com as causas que eu defendo e creio”.

O casamento gay passou por um longo debate no governo e na sociedade francesa e era uma promessa de campanha do presidente François Hollande. Em abril deste ano, em clima de tensão após enfrentar uma forte oposição dos partidos de direita, a Assembléia Nacional francesa adotou definitivamente a lei que permite o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.