Acessar o conteúdo principal
Imprensa

Imprensa teme a volta da crise na zona do euro

Capa dos jornais franceses Le Figaro e Les Echos desta terça-feira, 6 de janeiro de 2015.
Capa dos jornais franceses Le Figaro e Les Echos desta terça-feira, 6 de janeiro de 2015.
2 min

Temas econômicos dominam as manchetes dos jornais franceses desta terça-feira (6). Diante da queda do euro e das bolsas europeias, os diários temem que a situação política na Grécia relance a crise econômica na zona do euro.

Publicidade

"A Grécia vai relançar a crise do euro?” questiona a manchete do Le Figaro. A ameaça, que parecia definitivamente afastada, volta à tona com a perspectiva da vitória da esquerda radical grega nas eleições legislativas antecipadas do final de janeiro. O partido Syriza já anunciou que se ganhar não vai pagar a colossal dívida do país. O calote e a possível saída da Grécia da zona do euro semeiam pânico nos mercados, provocando a queda das bolsas e do euro, escreve o jornal conservador

Recuo histórico da moeda única europeia

Les Echos informa que a cotação do euro atingiu seu nível mais baixo desde março de 2006. Na segunda-feira (5), €1 valia US$ 1,18. O jornal econômico aponta a declaração da chanceler Angela Merkel, que, segundo a imprensa alemã, estaria preparada para a saída da Grécia da zona do euro, como responsável pela nova degringolada.

A posição da Merkel aumentou a desconfiança dos investidores, já abalados pela queda do preço do petróleo e pela ameaça de deflação vários países, analisa Les Echos. No próximo domingo (11), Angela Merkel se encontra com o presidente francês, François Hollande, em Estrasburgo, no leste da França, para buscar uma estratégia comum e superar este novo risco para o bloco. O futuro da Europa e da Grécia estarão em jogo, afirma o diário.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.