Fato em Foco

Consulado em Paris faz censo para saber quantos brasileiros vivem na França

Áudio 05:39
O questionário do censo da comunidade brasileira na França pede informações básicas sobre os cidadãos.
O questionário do censo da comunidade brasileira na França pede informações básicas sobre os cidadãos. fundaplub.org.br/ itamaraty.gov.br

O Consulado do Brasil em Paris quer saber quantos cidadãos brasileiros vivem hoje na França. Para tentar obter essa resposta, entre 10 de fevereiro e 10 de novembro deste ano está sendo realizado um censo para avaliar a dimensão e o perfil da comunidade. Hoje as estimativas variam muito, calculando-se que entre 60 e 90 mil brasileiros possam estar residindo no país.

Publicidade

O objetivo do Consulado do Brasil em Paris é avaliar a comunidade como um todo, independentemente dos cidadãos estarem ou não em situação legal na França. O questionário pergunta o nome e sobrenome, o endereço, a profissão, o e-mail e se a pessoa vive com outros brasileiros e quantos eles são.

Tamanho e perfil da comunidade

A ideia deste primeiro censo partiu da constatação de que há mais brasileiros frequentando o consulado do que o número obtido junto aos organismos franceses, como explica a embaixadora Maria Edileuza Fontenele Reis, que ocupa há alguns meses o posto de Cônsul-Geral em Paris. "Cheguei aqui há pouco tempo e tenho visitado diferentes autoridades francesas de setores afetos às atividades do consulado como o Ministério do Interior, a divisão do Departamento dos estrangeiros na França, a zona de espera do Aeroporto Charles de Gaulle, as autoridades do Quai d'Orsay (Ministério das Relações Exteriores da França). Eu tenho notado que em todos os lugares há um número estimado de brasileiros que me parece bem menor do que o público que acorre ao consulado.

Para a embaixadora, isso é natural, pois há um grande número de cidadãos com dupla cidadania que não constam nos registros franceses como estrangeiros; mas para o serviço consular eles constam, na medida em que vêm ao consulado para tudo o que diz respeito à sua cidadania como registros, procurações, títulos de eleitor, documentações de uma maneira geral. "Então, como não há uma estimativa muito clara e mesmo porque este consulado cobre todo o território francês, decidi fazer uma enquete com a colaboração de nossos cônsules honorários em várias cidades, com vistas a melhor aferir o tamanho e o perfil dessa comunidade. A informação é muito importante para dimensionarmos os serviços aqui no consulado, sobretudo no sentido de buscar  uma interlocução maior com os brasileiros, de tentar traçar uma política de assistência maior", explica a embaixadora.

Ela também gostaria de ampliar as funções do consulado, além das atividades burocráticas. "Quero verificar as carências dessa comunidade. Eu também gostaria de trabalhar um pouco com Educação na parte do ensino de português, de verificar o interesse de integrantes da nossa comunidade em participar de cursos do currículo brasileiro como o exame Encceja, fazer palestras sobre o trabalho do consulado, enfim, tudo isso se insere numa política de assistência aos nossos nacionais de forma mais diversificada", conclui a embaixadora Maria Edileuza Fontenele Reis.

Conselho dos Cidadãos

Como a maioria dos consulados brasileiros no exterior, o de Paris também tem o seu Conselho de Cidadãos. A coordenadora Carla Sanfelice lamenta que o Conselho não tenha sido envolvido no censo até agora, mas tem propostas para divulgar a iniciativa junto aos brasileiros da França:  "Os membros do Conselho que são ativos e estão engajados em fazer alguma coisa iriam comunicar que existe um censo junto às associações, começar a fazer chamadas nas reuniões da comunidade, publicar nos jornais da comunidade, ir até aonde eles se encontram, seja na comunidade católica ou na evangélica, distribuir folhetos, e até mesmo  informar as pessoas que estão indo ao consulado que este censo está sendo feito", observa.

Carla Sanfelice também considera que a comunidade aumentou de maneira muito expressiva, que precisaria haver mais funcionários no atendimento e, no mínimo, um outro consulado para a população que vive no sul da França.

Onde se informar?

Para os brasileiros que se interessarem em saber mais sobre o censo ou participar, o site do consulado é: cgparis.itamaraty.gov.br

O contato e-mail para o censo é: censo.cgparis@itamaraty.gov.br

Se quiser ir pessoalmente, o endereço é 65 avenue Franklin Roosevelt - 75008 - Paris. (Metrô Franklin Roosevelt, Linha 1)

 

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.