Acessar o conteúdo principal
Israel/ Gaza

Israel alivia bloqueio à Faixa de Gaza

Israel decidiu autorizar a importação de certos produtos até agora proibidos como os salgadinhos, refrigerantes e cremes de barbear.
Israel decidiu autorizar a importação de certos produtos até agora proibidos como os salgadinhos, refrigerantes e cremes de barbear. Warrick Page/Getty Images
Texto por: RFI
2 min

Gabinete de segurança israelense cedeu à pressão da comunidade internacional e vai permitir a entrada de um maior número de mercadorias no território

Publicidade

Após dois dias de intensas discussões, o governo israelense acabou decidindo, nesta quinta-feira, amenizar o bloqueio à Faixa de Gaza. Sob controle internacional, será permitida a entrada no território palestino de mercadorias de uso civil e materiais para a construção de prédios. O comunicado do gabinete do primeiro-ministro Benjamin Netanyahu informou que continua proibida a entrada de bens que poderiam ser utilizados com fins militares. Israel vai manter o esquema de segurança atual para impedir a entrada de armas e de material de guerra em Gaza.

As pressões para que o bloqueio ao enclave palestino fôsse aliviado se intensificaram depois do violento ataque israelense contra a Flotilha de Liberdade, no dia 31 de maio, que tentava levar ajuda humanitária à Gaza. Nove ativistas pró-palestinos morreram na operação.

Israel impôs o bloqueio à Faixa de Gaza em junho de 2007, desde que o grupo islamita Hamas assumiu o controle da região. Hoje, 80% de um milhão e meio de habitantes da região dependem da ajuda internacional.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.