Israel

Há 5 anos em coma, ex-premiê Ariel Sharon é transferido para casa

Ambulância que transportou Ariel Sharon chega à casa do ex-premiê próxima da cidade de Sderot, no sul de Israel.
Ambulância que transportou Ariel Sharon chega à casa do ex-premiê próxima da cidade de Sderot, no sul de Israel. Reuters

O ex-primeiro ministro de Israel Ariel Sharon, em coma desde 2006, foi transferido nesta sexta-feira para sua fazenda no sul do país. Os médicos que atendem Sharon fazem um teste para verificar se ele pode continuar a receber os cuidados em casa, perto da família.

Publicidade

O ex-primeiro ministro de Israel Ariel Sharon, em coma desde 2006, foi transferido nesta sexta-feira para sua fazenda no sul do país. Segundo o chefe do serviço de reanimação do hospital Sheba, perto de Tel Aviv, Sharon deverá voltar ao hospital no domingo.

A transferência foi acompanhada pelo serviço israelense de segurança interna. A operação vai ser repetida várias vezes até a equipe médica ter certeza de que o ex-chefe de governo pode ficar em casa de maneira permanente. De acordo com a imprensa local, os dois filhos de Ariel Sharon pediram que toda a aparelhagem que mantém as funções vitais do ex-primeiro ministro fossem instaladas na propriedade da família, onde ele já havia demonstrado vontade de ficar após sua aposentadoria.

Sharon, de 82 anos, está em coma desde que sofreu um acidente vascular cerebral em janeiro de 2006. Desde então ele vive com a ajuda de aparelhos.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.