Arábia Saudita/ Iêmen

Presidente do Iêmen estaria seriamente ferido

O presidente do Iémen,  Ali Abdallah Saleh.
O presidente do Iémen, Ali Abdallah Saleh. Manny Ceneta/Getty Images

Autoridades sauditas anunciaram hoje que o presidente do Iêmen Ali Abdallah Saleh está hospitalizado na cidade de Riade, na Arábia Saudita, com o estado de saúde “estável à espera apenas de uma cirurgia estética”. Entretanto, uma fonte médica, que prefere guardar o anonilmato, contradisse esta declaração afirmando que Ali Abdallah Saleh está com um ferimento na cabeça e em coma artificial.

Publicidade

Com a correspondente da RFI em Riade, Clarence Rodriguez.

O estado de saúde Ali Abdallah Saleh é bem mais preocupante do que as autoridades ieminitas e a imprensa local anunciaram nos últimos dias. Segundo informações de uma fonte médica próxima ao hospital militar de Riade, o presidente do Iêmen tem ferimentos no pescoço, no tórax e na cabeça.

Logo na sua chegada à Riade, ele teria também passado por uma neurocirurgia e teria sido transferido em seguida a um serviço de urgência. Segundo nossas informações, Ali Abdallah Saleh estaria com 40 % do corpo queimado. Para diminuir o seu sofrimento, o presidente Saleh foi colocado em coma artificial.

O presidente iemenita havia realizado uma consulta com médicos sauditas no último dia 4 de junho em Sana, mas o tinha se recusado a ser hospitalizado na Arábia Saudita.

Em decorrência do seu estado de saúde preocupante, é difícil imaginar uma volta iminente do presidente Saleh ao poder, como foi anunciado pelo vice-presidente ieminita Abed Rabbo Mansour Hadi. Estas novas informações podem ser favoráveis a todos aqueles que desejam o fim da crise no Iêmen.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.