Líbia/Conflito

TPI emite mandado de prisão internacional contra Kadafi

Mandados de prisão internacional contra Kadafi e seu filho Seif Al-Islam foram emitidos pelo TPI, nesta segunda-feira, 27/06/2011.
Mandados de prisão internacional contra Kadafi e seu filho Seif Al-Islam foram emitidos pelo TPI, nesta segunda-feira, 27/06/2011. REUTERS/Chris Helgren (L) and Jamal Saidi

O Tribunal Penal Internacional de Haia emitiu nesta segunda-feira um mandado de prisão internacional contra o líder líbio Muammar Kadafi. Mandados de prisão internacional também foram emitidos contra Seif Al-Islam, filho de Kadafi, e o chefe do serviço de informação do regime líbio, Abdallah Al-Senoussi.

Publicidade

Os juízes do TPI, reunidos em Haia na Holanda, aceitaram a solicitação de emissão de mandado de prisão internacional contra os três integrantes do regime líbio feita em maio pelo procurador do tribunal, Luis Moreno Ocampo. A pedido do Conselho de Segurança das Nações Unidas, Ocampo iniciou em março uma investigação sobre a violenta repressão do regime líbio contra a população civil.

Kadafi, seu filho e o chefe do serviço de informação líbio são suspeitos de crimes contra a humanidade após o início da revolta popular na Líbia, em 15 de fevereiro. Segundo o procurador, o conflito no país já deixou milhares de mortos. Estimativas da ONU apontam que cerca de 650 mil líbios tiveram que deixar o país.

Kadafi passa a ser o segundo chefe de Estado no poder a ser alvo de um mandado de busca internacional, ao lado do sudanês Omar el-Béchir, procurado desde 2009 por genocídio.

Logo após a decisão do TPI, o presidente francês Nicolas Sarkozy voltou a pedir a saída de Kadafi do poder, afirmando que o líder líbio, no poder há 41 anos, “sabe o que deve ser feito pela paz na Líbia”. Após a resolução do Conselho de Segurança da ONU, a França foi um dos países que iniciou a operação militar na Líbia, visando proteger a população civil e apoiar os insurgentes de Benghazi.

Desde 14 de março, a intervenção militar internacional na Líbia é coordenada pela Otan. Apesar dos intensos bombardeios, Muammar Kadafi consegue se manter no poder e os países ocidentais acreditam que nenhuma solução política seja possível sem a queda de Kadafi.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.