Acessar o conteúdo principal
Filipinas/Meio Ambiente

Governo filipino cria "fundo de sobrevivência" contra aquecimento global

Dezenas de casas submersas pela enchente causada por tempestades tropicais no nordeste das Filipinas.
Dezenas de casas submersas pela enchente causada por tempestades tropicais no nordeste das Filipinas. REUTERS/Stringer

O presidente filipino, Benigno Aquino, promulgou lei nesta terça-feira criando um "fundo de sobrevivência" destinado a combater os efeitos do aquecimento global e a indenizar os agricultores vítimas de inundações. O fundo será dotado inicialmente de 19 milhões de euros, cerca de 47 milhões de reais.

Publicidade

A ideia do governo filipino é utilizar os recursos do fundo para financiar projetos de infraestrutura que melhorem as condições de prevenção dos estragos causados pelas chuvas, inundações e os tufões que atingem frequentemente as Filipinas.

Ao anunciar a promulgação da lei, a vice-presidente da comissão parlamentar para mudanças climáticas, Mary Anne Lucille Sering, declarou que "agora o governo filipino tem meios de tornar as terras mais seguras contra os efeitos crescentes do aquecimento global".

O novo dispositivo servirá para financiar investimentos em projetos de gestão da água e sistemas de previsão de alerta contra catástrofes naturais, entre outros. A legislação permitirá também financiar seguros agrícolas em caso de perda ou danos importantes a plantações.

As recentes inundações do início do mês atingiram 80% da capital Manila, deixando dezenas de mortos e feridos, além de ter devastado regiões agrícolas nos arredores da capital filipina.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.