Afeganistão/Ataque

Organização internacional em Cabul é alvo de ataque de talibãs

Talibãs enfrentaram as forças de segurança no centro de Kaboul
Talibãs enfrentaram as forças de segurança no centro de Kaboul REUTERS

Rebeldes talibãs realizaram um forte ataque nessa sexta-feira no centro de Cabul, capital do Afeganistão. A ação teve início com um ataque suicida com um carro-bomba. Em seguida, um grupo de insurgentes se escondeu no prédio da Organização Internacional para a Migração, de onde enfrentou as forças de segurança com armas automáticas e granadas. O edifício fica numa zona de alta proteção que abriga diversas organizações internacionais.

Publicidade

O confronto entre rebeldes e forças de segurança durou cinco horas. Toda a área foi isolada e os estrangeiros retirados dos edifícios próximos. Segundo o porta-voz do Ministério do Interior, um policial afegão e ao menos quatro rebeldes foram mortos. Um funcionário italiano da Organização Internacional para a Migração ficou gravemente ferido.

Um porta-voz talibã, Zabiullah Mujahid, reivindicou a responsabilidade pelo que chamou de ataque coordenado que visava, segundo ele, atingir os estrangeiros, incluindo os funcionários da CIA, o serviço de inteligência dos EUA.

Desde o início do mês e sua "ofensiva de primavera", os talibãs tem intensificado os ataques mortais em todo o Afeganistão. Há uma semana quinze pessoas, incluindo cinco americanos e nove civis afegãos, foram mortas em Cabul num ataque suicida com um carro-bomba que tinha como alvo um comboio da Otan. Mas o ataque de hoje foi considerado o mais ousado dos talibãs em um ano.
 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.