China/Drama

Bebê retirado de cano do esgoto na China deixa hospital com a mãe

O bebê encontrado no encanamento na China voltou para a casa com a mãe
O bebê encontrado no encanamento na China voltou para a casa com a mãe REUTERS/Local Firefighter Handout

O bebê encontrado no cano do esgoto em um prédio na China, que foi socorrido pelos bombeiros e comoveu o mundo, deixou o hospital nesta quarta-ffeira e foi entregue à família, de acordo com o diretor do estabelecimento, Wu Xinhong.  

Publicidade

A história do bebê, que sobreviveu por milagre, emocionou milhares de pessoas na China e no mundo. A criança deixou o hospital na quarta-feira à noite, levada pela mãe. De acordo com a mulher, a jovem de 22 anos sentiu dores abdominais, foi ao banheiro, e deu à luz à criança. Segundo seu depoimento, ela não conseguiu segurar o bebê. Depois do incidente, a jovem teria chamado os bombeiros e pedido ajuda.

A versão não convenceu os chineses, que têm certeza de que mãe tentou afogar a criança. Histórias de abandono são comuns na China, que adota há vários anos a política do filho único. A mãe, solteira, escondeu a gravidez de seus vizinhos, segundo a polícia da cidade de Jinhua, situada na província de Zhehiang.

O vídeo do salvamento do bebê, retirado com vida da tubulação pelos bombeiros, comoveu o mundo. A equipe de resgate demorou mais de uma hora para serra o cano com uma serra elétrica, de cerca de 10 centímetros, e salvar a criança.

 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.