Acessar o conteúdo principal
Tunísia/Crise

Governo da Tunísia multiplica ações antiterroristas, enquanto oposição sai às ruas

Na Tunísia a oposição sai às ruas novamente nesse domingo para pedir a saída do governo.
Na Tunísia a oposição sai às ruas novamente nesse domingo para pedir a saída do governo. REUTERS/Anis Mili
Texto por: RFI
2 min

Um ativista islamita foi morto no subúrbio de Tunis e diversos foram detidos na cidade de Sbitla,no norte da Tunísia  neste domingo, durante uma operação antiterrorista.

Publicidade

Neste domingo, perto da fronteira com a Argélia, um militar foi morto e ao menos sete outros foram feridos, quando o veículo blindado militar passou sobre uma mina. A explosão aconteceu durante a operação lançada pelo governo tunisiano no centro oeste do país, depois da morte de oito soldados em um atentado na última segunda-feira.

Ainda no domingo, um novo protesto foi organizado pela oposição no país e outro foi anunciado para esta quarta-feira. Data que marca o aniversário do assassinato de Chokri Belaïd, membro da esquerda morto em fevereiro deste ano. No sábado dezenas de milhares de pessoas manifestaram em apoio ao atual governo.

Segundo declaração do Ministério do Interior, na sexta-feira a Brigada Antiterrorista (BAT) também prendeu duas pessoas em Sousse, a 140km ao sul da capital. Os indivíduos classificados como "muito perigosos" organizavam o assassinado de uma personalidade pública, cuja identidade não foi revelada. As autoridades acusam o movimento salafista tunisiano de ser o responsável pelas ações.

A oposição laica exige a saída do governo islamita moderado do partido Ennahda e quer também a dissolução da Assembleia Nacional. A onda de violência explodiu na Tunísia, depois do assassinato do deputado da oposição Mohamed Brahmi, no último dia 25 de julho. A crise política já é considerada a pior desde a queda do ex-presidente Zine Ben Ali, em janeiro de 2011.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.