Acessar o conteúdo principal
Irã/Estados Unidos

Rohani sugere retomada de voos entre Teerã e os EUA

O presidente iraniano, Hassan Rohani.
O presidente iraniano, Hassan Rohani. REUTERS/Keith Bedford
2 min

Segundo um alto funcionário de Teerã citado pela agência oficial Isna, o presidente iraniano, Hassan Rohani, sugeriu nesta segunda-feira que autoridades da aviação do país estudem a eventual retomada dos voos diretos entre os Estados Unidos e o Irã. O funcionário iraniano Akbar Torkan não informou de que maneira o governo do novo presidente deve negociar a reabertura dos voos, mas a proposta é mais um sinal de reaproximação com os Estados Unidos.

Publicidade

Mais de 1 milhão de iranianos vivem no território americano e não contam com voos diretos para seu país de origem desde 1979, ano da Revolução Islâmica no Irã.

General iraniano critica conversa entre Rohani e Obama

Hoje, o o comandante da Guarda Revolucionária iraniana, o Exército de elite do regime, criticou o telefonema histórico entre Rohani e o presidente americano, Barack Obama, ocorrido na sexta-feira. O general Mohamad Ali Jafari declarou que o presidente iraniano manteve uma posição firme e adequada durante sua estadia nos Estados Unidos, mas "deveria ter se recusado a conversar com ele [Obama] por telefone e esperado ações concretas do governo americano", declarou o general.

Esta é a primeira crítica em público de uma autoridade iraniana à conversa de sexta-feira entre Rohani e Obama e desafia a vontade de Rohani e do guia supremo, Ali Khamenei, que haviam pediram aos militares para não se envolver nos assuntos políticos.

O comentário do general foi feito em entrevista ao site de informações Tasnimnews.com. Jafari ainda acrescentou: "se constatarmos erros de parte dos responsáveis, as forças revolucionárias farão as advertências necessárias", sem dar mais explicações.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Página não encontrada

O conteúdo ao qual você tenta acessar não existe ou não está mais disponível.