Síria/Crise

Ataque aéreo em Aleppo deixa ao menos 25 mortos

Nuvem de fumaça se forma na cidade de Aleppo, após um bombardeo aéreo no dia 21 de dezembro de 2013.
Nuvem de fumaça se forma na cidade de Aleppo, após um bombardeo aéreo no dia 21 de dezembro de 2013. REUTERS/Ahmad Othman

Um bombardeio aéreo do exército sírio neste sábado sobre um mercado provocou a morte de ao menos 25 pessoas, entre elas quatro crianças, na cidade de Aleppo, segundo informações do Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH), braço da oposição.

Publicidade

O ataque destrui parcialmente um hospital da cidade ao norte do país e deixou dezenas de feridos. O número de mortos pode ainda aumentar nas próximas horas. Nas últimas semanas, dezenas de mulheres e crianças foram mortos em ações militares aéreas em diversos bairros da capital econômica síria.

Vaticano

De acordo com um anúncio do Vaticano feito neste sábado, o presidente sírio Bashar al-Assad transmitiu uma mensagem privado ao Papa Francisco relativa a posição do governo de seu país. O conteúdo da mensagem não foi revelado, mas estima-se que ela revelaria a posição de Damasco, diante da proximidade da conferência internacional para a paz no país prevista para ocorrer no dia 22 de janeiro na Suíça. Essa é a primeira vez, que o presidente sírio, que enfrenta desde março de 2011 uma revolta sangrenta, envia uma mensagem direta ao líder da Igreja Católica.

Armas químicas

O prazo final fixado pela comunidade internacional para retirar da Síria os estoques de sustâncias utilizados na fabricação de armas químicas corre o risco de não ser respeitado, declarou nesse sábado a Organização para a Interdição de armas químicas (OIAC). O país tem até o dia 31 de dezembro para fazê-lo. O deslocamento dos combates e as intemperes atrasaram o transporte do material até os locais onde os elementos devem preparados para serem em seguida evacuados até o porto de Lattaquié, no Mediterrâneo.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.