Coreia do Norte/Kim Jong-Un

Imprensa norte-coreana publica imagens de líder sumido há 40 dias

Kim Jong-Un, em abril de 2013.
Kim Jong-Un, em abril de 2013. REUTERS/KCNA

Acabou o mistério sobre o paradeiro do líder da Coreia do Norte. Nesta terça-feira (14), a imprensa oficial norte-coreana publica imagens de Kim Jong-Un em visita a um canteiro de obras na capital Pyongyang. Em algumas fotos, ele aparece apoiado em uma bengala. O líder comunista havia sumido há 40 dias dos radares da mídia, provocando uma onda de rumores.

Publicidade

Kim Jong-Un, de 31 anos, passou seis semanas longe das câmeras e ausente de eventos públicos, o que deu margem a uma onda de boatos sobre seu estado de saúde e até de golpe de Estado. A última vez que ele foi em público foi no dia 3 de setembro, quando assistiu a um concerto com a mulher em Pyongyang.

Hoje, a imprensa oficial norte-coreana publica várias imagens do líder em visita a um complexo residencial construído na capital para os cientistas que trabalham no no programa de satélites da Coreia do Norte. A agência KCNA não informa a data da visita, mas costuma divulgar os eventos envolvendo o líder um dia depois dos deslocamentos.

Boatos

Os órgãos de informação oficiais não deram qualquer explicação para o sumiço de Kim Jong-Un por mais de um mês. Mas essa não foi a primeira vez que um líder norte-coreano desapareceu da mídia, um fato relatado repetidas vezes, nos últimos dias, por especialistas.

Os rumores mais frequentes deram conta que Kim Jong-Un, um fumante inveterado que sofre de diabetes, havia quebrado o tornozelo, estaria com gota e teria sido até vítima de um golpe de Estado.

Na visita ao complexo residencial de Pyongyang, Kim Jong-Un estava acompanhado de vários dirigentes de alto escalão do partido comunista, entre eles Hwang Pyong-So, vice-presidente da Comissão Nacional de Defesa, considerado número dois do regime.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe todas as notícias internacionais baixando o aplicativo da RFI