Austrália prende dois jovens suspeitos de preparar atentado

Adolescente é preso durante operação antiterrorista em Sydney nesta quinta-feira, dia 10 de dezembro de 2015.
Adolescente é preso durante operação antiterrorista em Sydney nesta quinta-feira, dia 10 de dezembro de 2015. AFP PHOTO / NEW SOUTH WALES POLICE

Dois jovens de 20 e 15 anos foram presos nesta quinta-feira (10) em suas residências em Sydney, na Austrália, e indiciados durante uma operação antiterrorista. De acordo com as autoridades, as detenções aconteceram dentro da investigação sobre um plano de atentado contra um prédio do governo.

Publicidade

Segundo a polícia, os dois jovens presos foram acusados de "complô para preparar um ato terrorista". As duas prisões foram efetuadas com base em indícios obtidos no ano passado, quando 15 pessoas foram presas dentro da operação Appleby. Outros três suspeitos devem receber acusações similares, informaram as autoridades australianas.

A Appleby é uma vasta investigação sobre suspeitos de envolvimento em atos ou projetos terroristas na Austrália, viagens à Síria ou Iraque e financiamento de organizações terroristas, que começou em dezembro de 2014. Antes das prisões efetuadas hoje, em outrubro, quatro pessoas foram detidas em outubro após o assassinato de um policial. O suposto autor do crime, Farhad Jabar, tem 15 anos.

Desde o início do ano, o governo australiano desbaratou seis projetos de atentados de radicais islâmicos no país. Em contrapartida, o país registrou ataques, incluindo uma tomada de reféns em dezembro de 2014 que durou 17 horas em um café de Sydney. O incidente terminou com a morte de duas vítimas e do autor do sequestro, um desequilibrado de origem iraniana com motivações jihadistas.

(Com informações da AFP)

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.