Papa Francisco seguirá hospitalizado, apesar do sucesso da cirurgia

O Pontífice de 84 anos saudou seus fiéis neste domingo (11) de uma varanda no décimo andar do Hospital Universitário Gemelli, onde segue internado.
O Pontífice de 84 anos saudou seus fiéis neste domingo (11) de uma varanda no décimo andar do Hospital Universitário Gemelli, onde segue internado. Filippo MONTEFORTE AFP

O papa Francisco "permanecerá hospitalizado por mais alguns dias" para "otimizar a terapia médica da melhor maneira possível", informou um comunicado de seu porta-voz nesta segunda-feira (12). O pontífice "completou a fase pós-operatória cirúrgica" do seu tratamento, especifica ainda o boletim diário de saúde.

Publicidade

Há oito dias, em 4 de julho, o Papa foi submetido a uma anestesia geral para realizar uma "colostomia esquerda" (cirurgia para remover uma parte do cólon), para tratar uma diverticulite. Neste domingo (11), o pontífice de 84 anos foi saudar crianças hospitalizadas por câncer e, ao meio-dia, dirigiu-se aos fiéis de uma varanda no décimo andar do Hospital Universitário Gemelli. Em seguida, o papa voltou para seu quarto, em cadeira de rodas, cumprimentando outros pacientes e equipes médicas de passagem.

De nacionalidade argentina e morando no Vaticano, o pontífice compartilhou com parentes sua dupla "alegria" pelas vitórias das seleções de futebol argentina, na Copa América, e italiana, na Eurocopa.

“Sua Santidade se apoiou sobre o significado do esporte e seus valores, assim como sobre a capacidade esportiva de saber aceitar qualquer resultado, mesmo a derrota”, acrescentou o porta-voz.

A Argentina venceu o Brasil na final da Copa América neste sábado (10). Na noite de domingo, a seleção italiana sagrou-se campeã europeia, ao superar a Inglaterra nos pênaltis.

(Com informações da AFP)

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe todas as notícias internacionais baixando o aplicativo da RFI