Acesso ao principal conteúdo
EGIPTO

Egipto despediu-se de Hosni Mubarak

Funeral de Hosni Mubarak na Mesquita Mosheer no Cairo a 26 de Fevereiro de 2020.
Funeral de Hosni Mubarak na Mesquita Mosheer no Cairo a 26 de Fevereiro de 2020. AFP
Texto por: Miguel Martins
3 min

Foi a sepultar no Cairo o antigo presidente egípcio Hosni Mubarak nesta quarta-feira, 26 de Fevereiro de 2020. A cerimónia contou com honras militares no dia seguinte à sua morte com 91 anos de idade num hospital, ele deverá ser sepultado na sepultura familiar de Heliopolis, no leste da capital.

Publicidade

Na hora da despedida daquele que governou o país com mão de ferro Ivo Sobral, professor de relações internacionais na Universidade Abu Dhabi, alega que os egípcios estão particularmente divididos quanto ao seu legado e ao seu papel na história.

E isto por Mubarak ter garantido a estabilidade a um país que agora dela carece, embora com fundo autoritário e repressivo.

Ivo Sobral, professor de relações internacionais na Universidade Abu Dhabi

Três dias de luto nacional foram decretados a partir desta quarta-feira pelo regime de Abdel Fattah al Sissi, também ele um militar a encabeçar um regime autoritário.

Este na noite passada tinha saudado em Mubarak um dos "heróis da guerra de Outubro de 1973" contra Israel durante a qual tinha dirigido a Força aérea.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.