Acesso ao principal conteúdo
Guiné Conacri

Guiné Conacri: Violência após líder da oposição reclamar vitória

Cellou Dalein Diallo, kíder da oposição na Guiné-Conacri.
Cellou Dalein Diallo, kíder da oposição na Guiné-Conacri. RFI
Texto por: RFI
2 min

 Na Guiné Conacri, o candidato da oposição declarou-se vencedor das eleições presidenciais de domingo. A Comissão Eleitoral considerou a reivindicação de Cellou Dalein Diallo «prematura » e « nula ». 

Publicidade

Apesar dos apelos para os candidatos às eleições presidenciais na Guiné Conacri aguardarem o pronunciamento da Comissão Eleitoral Nacional, responsável pela votação, Cellou Dalein Diallojá veio reivindicar vitória. 

A Comissão Eleitoral Nacional considerou a reivindicação de Cellou Dalein Diallo « prematura » e «nula » e lembrou que é a única entidade competente com poderes para anunciar resultados. 

Cellou Dalein Diallo, principal figura da oposição ao actual Presidente Alpha Conde, anunciou ontem que venceu a primeira volta das eleições presidenciais.

O partido do Presidente Alpha Condé condenou a declaração de vitória do principal opositor e pediu aos militantes do partido no poder para se manterem calmos serenos e mobilizados até à publicação oficial dos resultados. 

Apesar dos apelos à calma, já começaram a surgir sinais de violência pós-eleitoral. Esta segunda-feira as forças de segurança usaram gás lacrimogéneo para dispersar os apoiantes de Cellou Dallein Diallo que festejavam a vitória. O líder da oposição denunciou a morte d de três pessoas em resultado dos confrontos com a polícia. 

A CEDEAO pronuncia-se esta tarde sobre os episódios que seguiram ao acto eleitoral, a organização tinha afirmado, esta segunda-feira, que o escrutínio tinha decorrido com toda a normalidade. 

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI

Página não encontrada

O conteúdo ao qual pretende aceder não existe ou já não está disponível.