Etiópia/Eritreia

Etiópia: Amnistia Internacional denuncia massacres em Aksoum por forças armadas eritreias

Aksoum, terceira maior cidade do Tigray.
Aksoum, terceira maior cidade do Tigray. © Creative commons/Jialiang Gao

Massacres, execuções e crimes de guerra, eis o que revela o relatório da Amnistia Internacional. Há quatro meses que há confrontos na Região etíope do Tigray.

Publicidade

A Amnistia Internacional, em colaboração com o consultor Jean-Baptiste Gallopin, revela registo de massacres em Aksoum, terceira maior cidade do Tigray, cometidos por tropas eritreias.

Em apenas 24h, nos dias 28 e 29 de Novembro de 2020, o massacre foi tido como um castigo da parte das forças eritreias em resposta a um ataque de combatentes etíopes contra uma base eritreia na cidade de Aksoum.

A RFI, com informações recolhidas junto de um professor, revelou há poucos dias que se vivia um ambiente de terror e vários massacres perpetrados.

Por enquanto é complicado estabelecer um balanço do número de mortos visto que a Região do Tigray está cortada do mundo e poucas informações filtram. Para a Amnistia Internacional não há dúvidas de que o balanço é pesado, com várias centenas de mortos.

No que diz respeito a Aksoum, a ONG internacional afirma que as atrocidades cometidas tiveram a assinatura das tropas eritreias, aliadas do Governo de Addis-Abeba neste conflito com a Região do Tigray.

A Amnistia Internacional pede a abertura de uma investigação pelas Nações Unidas, mas o Governo da Etiópia já recusou um primeiro pedido em Dezembro de 2020, estimando que não precisam de uma ‘amapara realizar investigações independentes.

Recorde-se que o exército etíope levou a cabo uma operação contra a província do Tigray, no norte da Etiópia, que segundo o Primeiro-ministro, Abiy Ahmed, visou estabelecer o Estado de direito, perante a postura do partido Frente de Libertação dos Povos do Tigray. Desde então o Primeiro-ministro afirma que a situação voltou ao normal, enquanto que as informações recolhidas admitem que ainda há conflitos no Tigray.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI