Europa/África

África do Sul vai ajudar a Europa na produção de vacinas

Primeiro-ministro português, António Costa. Bruxelas, 2 de Outubro de 2020. Olivier Matthys / POOL / AFP
Primeiro-ministro português, António Costa. Bruxelas, 2 de Outubro de 2020. Olivier Matthys / POOL / AFP AFP - OLIVIER MATTHYS

A África do Sul vai ajudar a Europa na produção de vacinas anti covid-19. A decisão foi tomada durante a Cimeira para o Financiamento das Economias Africanas. O primeiro-ministro português, António Costa, que participou na reunião, referiu que o trabalho conjunto para dotar o continente africano “desta capacidade de vacinação” é muito importante para o continente. 

Publicidade

A África do Sul vai ajudar a Europa na produção de vacinas. A decisão foi tomada durante a Cimeira para o Financiamento das Economias Africanas. O primeiro-ministro português, António Costa, que participou na reunião, disse que esta medida vai aumentar a capacidade mundial de vacinas e é “uma infra-estrutura que fica para as pandemias que virão”.

“Em matéria de vacinação, algo que é muito importante, é que para além de continuarmos a assegurar o fornecimento de vacinas, pela via do mecanismo Covax e Avax, vai ser feito um grande apoio para que, brevemente, seja possível produzir no continente africano e, a partir da África do Sul, vacinas que possam aumentar a capacidade mundial de produção de vacinas. Como sabemos é o bloqueio fundamental, para além do esforço que a Europa está a fazer para incrementar a produção de vacinas, África vai-nos acompanhar e, muito brevemente, a partir da África do Sul, vai ter a capacidade de produzir vacinas em grande escala anti covid-19”, detalhou o primeiro-ministro português.  

O chefe do executivo português reconhece que se trata de uma infra-estrutura muito importante que ficará para o futuro.

“Porque depois desta pandemia outras podem vir e, sobretudo, há um conjunto de outras doenças que requerem essa capacidade de vacinação. Esse trabalho conjunto para dotar África desta capacidade de vacinação é muito importante”, explicou.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI