Guiné-Conacri

Tentativa de Golpe de Estado na Guiné-Conacri

Tentativa de Golpe de Estado na Guiné-Conacri.
Tentativa de Golpe de Estado na Guiné-Conacri. © AFP - CELLOU BINANI

A situação está confusa em Conacri, a capital da Guiné-Conacri. Desde esta manhã ouviram-se tiros na capital guineense. Durante esta tarde as forças especiais afirmaram ter detido o Presidente Alpha Condé.

Publicidade

As forças especiais da Guiné-Conacri afirmam ter detido o Presidente Alpha Condé. Os golpistas divulgaram um vídeo em que se vê o Presidente guineense sentado num sofá e ouvem-se vozes a perguntar-lhe se foi maltratado. No entanto o chefe de Estado recusa responder.

Num segundo vídeo divulgado nas redes sociais, o coronel Mamady Doumbouya afirma ter “dissolvido” as instituições, suspendida a Constituição e criado um Comité Nacional para relançar e desenvolver o país - CNRD.

O coronel Mamady Doumbouya prometeu diálogo e escrever uma nova Constituição, ele que afirmou ter também dissolvido o Governo e fechado as fronteiras terrestres e aéreas do país.

Recorde-se que desde este domingo de manhã que foram ouvidos tiros de armas automáticas no centro de Conacri, capital do país.

De referir que o Ministério da Defesa da Guiné-Conacri afirmou, em comunicado, ter repelido a tentativa de golpe de Estado.

Podem seguir a evolução da situação na Guiné-Conacri no site da RFI em francês aqui.

NewsletterReceba a newsletter diária RFI: noticiários, reportagens, entrevistas, análises, perfis, emissões, programas.

Acompanhe toda a actualidade internacional fazendo download da aplicação RFI